quarta-feira, 29 de junho de 2011

Amaranto – Retrato da Vida (2000)

O trio Amaranto é a síntese de experiências como grupo vocal. São cantorias infantis que cresceram, fortificadas tanto empiricamente, quanto pelo estudo sistemático da Música. No repertório, solos da boa música, seja ela brasileira ou não. Acompanham instrumentos como : violão, flauta e gaita, três vozes, vozes irmãs.
Com criatividade e inteligência, o grupo elabora seus próprios arranjos, demonstrando que domina amplamente seus recursos musicais. Exploram-se, com elegância e bom gosto, elementos como cânones, contracantos, uníssonos e trios, e os cuidados precisos com a instrumentação são também notáveis. Tais qualidades têm recebido aplausos calorosos da crítica mais inteligente, além de encontrar forte reconhecimento no meio musical e já ter formado um público considerável e fiel.
Em março de 2000, o Amaranto lançou, em Belo Horizonte, o seu primeiro CD: Retrato da Vida, que apresenta canções de Djavan, interpretadas pelo grupo e um variado conjunto instrumental.
O disco teve direção musical de Geraldo Vianna e arranjos do grupo e de Guilherme Paoliello, e foi responsável pelo reconhecimento do Amaranto como uma das grandes novidades da cena musical brasileira.
*por Tuca Magalhães

Preço – R$25,00

Faixas
01 - Água-de-Lua (Djavan)
02 - Nuvem Negra (Djavan )
03 - Violeiros (Djavan)
04 - Aliás (Djavan )
05 - Mal de Mim (Djavan)
06 - A Rota do Indivíduo (Djavan/ Orlando Morais)
07 - Retrato da Vida (Dominguinhos / Djavan )
08 - Faltando Um Pedaço (Djavan)
09 - Pedro Brasil (Djavan)
10 - Seca (Djavan)
11 - Nem Um Dia (Djavan)
12 - Curumim (Djavan)

Nenhum comentário:

Postar um comentário