quarta-feira, 30 de março de 2016

Marcelo Jiran – Horizonte Brasileiro (2015)

“Este disco é o resumo das minhas principais influências musicais; uma história narrada por finas composições e orquestrações; pelo talento e profissionalismo dos intérpretes, os quais abraçaram a beleza, virtuosismo, alegria, alma e peculiaridade de cada tema; por amigos de longa data e novos amigos, todos ofertando o melhor de si pela Música.

Praticamente 2 anos de minuciosa e prazerosa criação; pouco mais de 50 minutos de audição; tamanha diversidade sonora surpreende e prende a atenção; não há barreiras; as inspirações viajam além do horizonte alcançado pelos olhos - o Horizonte Brasileiro mostra sua essência: a fusão harmoniosa entre os seres do planeta.”

Preço – R$25,00

Faixas:
01 – Trupico
02 – Pro Mestre
03 – Fantasia Barroca
04 – Bossa
05 – Bom Balanço
06 – Uma História de Amor
07 – I Movimento Terra
08 – II Movimento Mar
09 – III Movimento Céu

COMPOSIÇÕES, ORQUESTRAÇÕES, REGÊNCIA E CASTANHOLAS Marcelo Jiran

quarta-feira, 23 de março de 2016

Pedro Antônio – Plantação de Estrelas (2015)

Já nas lojas o novo CD Plantação de Estrelas de Pedro Antônio, cantautor das Minas Gerais, é um dos fundadores do grupo Mina das Minas.

Agora em carreira solo chega ao seu segundo trabalho autoral. Gravado em Uberlândia/MG, onde reside atualmente, o CD traz 12 faixas sendo dez de sua autoria e duas dos compositores Carlos Haddad e Zé Paulo Medeiros.

O CD teve os arranjos e a direção de gravação a cargo do maestro Pedro Ferreira e conta com um time de primeira linha formado entre os melhores músicos do Triângulo Mineiro.

Preço – R$25,00

Faixas:
01 – Flor do Cerrado – Pedro Ântonio
02 – Voando em V - Pedro Ântonio
03 – Fogo-pagô - Pedro Ântonio
04 – Água – Zé Paulo Medeiros
05 – Passarin – Carlos Alberto Hadad
06 – Lá em Casa - Pedro Ântonio, William e Wellington de Faria
07 – Plantação de Estrelas - Pedro Ântonio
08 – Olho D´água - Pedro Ântonio, Edvaldo Gandi e Wellington de Faria
09 – Calangueando - Pedro Ântonio e João Bá
10 – Caretada (Para Catu) - Pedro Ântonio
11 – O verbo da Vida - Pedro Ântonio e Pedro Lacerda
12 – Dom Quixote Internauta - Pedro Ântonio

Luiz Marques – Noite Azul (2015)

Cantor, compositor, violonista e arranjador Luiz Marques é natural de Patos de Minas e radicado em Belo Horizonte. Sua composição aponta para um novo caminho, plural em ritmos e estilos, com canções que vão desde o barroco mineiro, passando por baladas e incursões no rock e pop.

O artista tem em sua discografia cinco CDs gravados: O Giro da Roda de Fogo (2000), Sentimento em Cor (2004), Luiz Marques (2009), Mira Certa (2011) e Noite Azul (2015).

Noite Azul gravado em abril de 2015 tem arranjos de Geraldo Vianna para 10 composições de Luiz Marques e participação de grandes músicos mineiros.

Preço – R$25,00

Faixas:
01 – Labirinto
02 – Uma Canção
03 – A Luz de Lyon
04 – Meu Quintal
05 – História sem Fim
06 – Redemoinho
07 – Mistério e Paixão
08 – Noite Azul
09 – Infinito
10 – Um Minuto Apenas

Todas as composições são de Luiz Marques

Uiara Leigo - Meu Canto é Segredo (2015)

Em "Meu canto é segredo", Uiara conta a história do seu canto:" onde vejo poesia, vejo música. Alio meus poemas e pensamentos à melodia que me cabe ao coração. E cada canto leva um segredo de quem o carrega no coração".

Sua arte, traduzida em versos íntimos, transportam o público para seu universo afetuoso e rebelde, delicado e visceral, belo e corajoso, com a capacidade de comunicar sua poesia complexa e profunda num ambiente popular, aliado a classe do produtor musical Hérmanes Abreu, criou-se a sonoridade única do disco, fazendo a música expandir seu significado.
Deixe-se encantar!

Preço – R$25,00

Faixas:
01 – De Rezar
02 – Samba de Benzer
03 – A Própria
04 – Donos do Destino
05 – Com Voce
06 – Basta
07 – As Forças
08 – Na Tez
09 – A Força de um Baião
10 – Meu Canto é Segredo
11 – O Nome do Vento
12 – Toque

Todas as composições são de Uiara Leigo

Pereira da Viola – Incelente Maravia 20 Anos (2016) DVD

Uma viagem musical em composições, parcerias e andanças de Pereira pelo país, em um repertório que inclui, aglomera e extrapola a diversidade da música de raiz, aumentando a visibilidade da criação artística de Minas Gerais e contribui para o enriquecimento e divulgação das artes, lendas e crenças dos povos mineiro e brasileiro.

Para a gravação do dvd e show de lançamento Pereira reuniu 20 anos de trabalho emcomposições próprias em parceria com poetas, músicos e escritores, todos eles autores fortemente influenciados pela cultura popular mineira. Dentre elas: “Incelente Maravia” (Pereira da Viola e Gildes Bezerra), “O meu Fraco é a Viola” (Pereira da Viola e João Evangelista Rodrigues), “Menina Flor” (Pereira da Viola e Josino Medina) e Mulheres de Argila (Pereira da Viola, Wilson Dias e João Evangelista Rodrigues).

O dvd foi gravado ao vivo em 2014, no Minascentro, no Projeto “Quando o Jequitinhonha canta e dança” com o patrocínio do Governo do Estado de Minas Gerais e Petrobras. Contou com as participações especiais de Titane, Wilson Dias, Celio Sene, Josino Medina e Bartira Sene. A banda é composta por Dito Rodrigues (violão e voz), Carlinhos Ferreira (percussão), Gladson Braga (percuteria) e Pedro Gomes (baixo).

Preço – R$35,00

Grupo Ilumiara (2015)

"Ilumiara" é uma expressão que mescla as palavras “iluminar” à “Iara”, entidade sagrada dos rios nas culturas Tupi-Guarani. Também contida nos textos de Ariano Suassuna e no nome de seu “altar” na Pedra do Reino, a palavra expressa nosso desejo de iluminar, por meio da música e oesia, a riqueza e a beleza de repertórios poéticos e musicais a partir da pesquisa e do encontro com as pessoas.

O grupo é formado por cinco músicos da cidade de Belo Horizonte que também atuam como pesquisadores, sendo o único dos quatro grupos que não está relacionado a uma prática da tradição. Além das músicas apresentadas, o grupo traz em seu espetáculo a contextualização histórico-social
dos cantos de trabalho no Brasil.

São muitos os cantos vinculados a ofícios e saberes tradicionais, e entre eles podemos citar as canções de lavadeiras, quebradeiras de coco, destaladeiras de fumo, fiandeiras, machadeiros, tropeiros, pregoeiros, dos trabalhadores das antigas usinas de açúcar, de carregadores de pedras, de remeiros, de vaqueiros, lavadeiras, pescadores, da fabricação de farinha e doces, dentre tantos outros.

Sabe-se que muito do que se cantava e tocava foi perdido ou despareceu junto ao próprio desenvolvimento dos ofícios, pela substituição do trabalho humano pelas máquinas, a perda de línguas originárias de povos (sobretudo indígena e negra), com processos de êxodo e migrações, por influências estéticas dos meios de comunicação, e mesmo por meio de processos de evangelização que dificultam a permanência de certas tradições.

O Ilumiara é formado por Alexandre Gloor (rabecas), Carlinhos Ferreira (percussão), Leandro César (violão e marimba), Letícia Bertelli (voz) e Marcela Bertelli (voz).

Preço – R$25,00

Faixas:

01 - Auto do Fim de Capina
02 - Penerô Gavião
03 - Punhadim
04 - Lavadeiras
05 - Toadas de Remeiros
06 - Canto do Tropeiro
07 - Das Pedras
08 - Machadeiros
09 - Fiandeiras
10 - Vissungos
11 - Senhora Santana
12 - Capoeira


quinta-feira, 10 de março de 2016

Marku Ribas + Samba (2015)

Fazer exatamente igual ao que Marku Ribas faria todos sabem que é impossível. “Era uma pessoa muito complexa. Tinha várias ideias, vários projetos, era muito sensível. Igualzinho a gente sabe que infelizmente não podemos, mas a gente tenta”, diz a filha e também artista Lira Ribas. Ela e a irmã Júlia Ribas se juntam a vários artistas para o lançamento de + Samba, CD gravado por Marku três meses antes de morrer.

O repertório tem sambas até então inéditos assinados pelo mineiro. “Foi uma correria porque ele estava se sentindo pronto para gravar e ir embora. Ele avisou que qualquer coisa que acontecesse era para levar o projeto adiante”, lembra Júlia. O disco teve a produção musical de Lucas Telles e Brasilino com direção musical de Barral Lima.

“É um samba em que Marku canta as próprias origens. Não se parece com nada, é realmente muito dele”, afirma Barral. Para o produtor, está claro uma maneira muito própria que ele tinha de compor e também de intepretar. “É um disco que mostra como o é o samba do Marku. Existe chorinho, violão de sete cordas, uma coisa de raiz. Tem uma levada que ninguém faz igual”, elogia Lima.
No show de lançamento a banda será formada Lucas Telles (violão e direção musical, Lucas Ladeia (cavaquinho), Abel Borges (percussão), Digão Nargel (percussão) e Leonardo Brasilino (trombone). Júlia Ribas interpreta seis canções do pai. Para ela, + Samba retrata a realidade de uma vivência musical. “A marca dele foi ter vivido tudo o que quis”, constata a filha mais velha, que subirá ao palco grávida de seis meses da primeira filha, Rute.

Julia conta ter aprendido com o pai a cantar aquilo que acredita. Escolheu interpretar em homenagem a Marku as canções Alerta geral, 500 anos, Cabana e calor, Samba sim e Samba pra Lira (com Cristiano Cunha). Todas as outras participações são de artistas com quem Marku tinha alguma relação afetiva. “O Marco Antônio morreu mas o Marku Ribas está vivo e precisa de algumas pessoas, que somos nós, para levar isso adiante. Entra nosso jeito, nossa cara”, completa Lira.

Marku Ribas faleceu em decorrência de câncer em abril de 2013, o ano em que completou 50 anos de carreira. Foram 12 álbuns lançados, com destaque para Underground (1973), Marku (1976) e Barrankeiro (1977). Tocou com nomes consagrados como Nara Leão, Djavan, Chico Buarque, João Donato, Tim Maia, Marcelo D2 e Emílio Santiago. A convite de Mick Jagger, em 1984, chegou a gravar com os Rolling Stones no álbum 'Dirty Work'. Trabalhou como ator em filmes como Uma onda no ar e Batismo de sangue, ambos de Helvécio Ratton.

Preço – R$30,00

Faixas:
01 – Zabelê e Mãe Dágua – Marku Ribas e Arnaud Rodrigues
02 – Amar é Direito - Marku Ribas
03 – Helena Rosa - Marku Ribas
04 – Quimbanda - Marku Ribas
05 – Areia Movediça - Marku Ribas
06 – Jeito de Felicidade - Marku Ribas
07 – Se a Onça Morrer - Marku Ribas e Luizão Maia
08 – Cabana e Calor - Marku Ribas
09 – Samba de Lira - Marku Ribas
10 – Concorrência Desleal- Marku Ribas
11 – 500 Anos - Marku Ribas
12 – Vexame - Marku Ribas
13 - Choro pro Marku – Lucas Telles

Milton Nascimento – SongBook (2015)



Songbook mais que aguardado pela legião de fãs em seus mais de 50 anos de carreira!

280 páginas contendo 53 partituras, cifras, e os desenhos e diagramas dos incríveis acordes!
Além de um resumo de sua obra, estão neste livro textos de seus parceiros e amigos, onde sua história vai sendo contada informal e poeticamente, em palavras que resumem sua trajetória, sempre ilustrada com fotos emocionantes e históricas.
Preço – R$75,00