terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

Paulo Lobão – Vamos fazer Música!!! (2009)

Paulo Lobão acredita que a música tem grande contribuição para o crescimento criativo, imaginativo, expressivo, cultural e formativo das crianças. Além disso, acredita no poder da música para transformação do mundo em amor e paz, um mundo bem melhor que canta e toca em tom maior.
O CD “Vamos fazer música!!! foi gravado e produzido de fevereiro a julho de 2009, este trabalho contém 8 canções de autoria de Paulo Lobão e duas em parcerias com outros compositores (“A nossa canção” com Ladston do Nascimento e “A música vai mudar o mundo” com Murilo Ribeiro), além da participação de grande músicos. “Vamos fazer música!!! dispõe também de 10 faixas em playback.
Preço – R$20,00
Faixas
01 - Vamos fazer Música
02 - Como se toca, como se canta
03 - Bicho canta, Bicho Sente
04 - Vamos Cantar
05 - Nossa Música
06 - É a Música
07 - Eu quero Ouvir
08 - A Nossa Canção
09 - A Música vai mudar o Mundo
10 - Todos Juntos

Rodrigo Delage, João Araújo e Geraldo Vianna – Imaginário Roseano (2008)

Imaginário Roseano é uma homenagem ao centenário de nascimento do grande escritor mineiro João Guimarães Rosa. Músicas conhecidas do repertório brasileiro que remetam a obra roseana na voz de João Araújo, com o violão e arranjos clássicos do maestro Geraldo Vianna e a viola caipira de Rodrigo Delage. Abrilhantado mais ainda pelas participações de Rolando Boldrin (narrando um  trecho do livro Grande Sertão Veredas), Paulo Freire e Téo Azevedo.

Preço – R$25,00

Faixas
01 - Texto Grande Sertão Veredas - Rolando Boldrim
02 - Folia Sorriso de Nuvens – Tavinho Moura e Ronaldo Bastos
03 - Serafim e seus Filhos – Ruy Maurity e José Jorge
04 - Boiada – Almir Sater e Renato Teixeira
05 - Boiadeiro – Armando Cavalcanti e Klécius Caldas
06 - Mandala do Sertão – Rodrigo Delage e Jorge Fernando dos Santos
07 - Cego com Cego – Tom Zé e Zé Miguel Wisnik
08 - Seca – Paulo Freire
09 - Cantiga de Beira D´Água – Sirlan e Paulo César Pinheiro
10 - Na Asa do Vento – João do Vale e Luiz Vieira
11 - Atrás da Porta – Ivan Lins e Vitor Martins
12 - Veredas do Grande Sertão – Téo Azevedo
13 - Desenredo – Dori Caymmi e Paulo César Pinheiro

segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

Dois do Samba (2008)

Dois do Samba, o disco, levou três anos para tomar corpo. Das cerca de 20 músicas criadas em conjunto, 10 foram registradas no CD. A única faixa “alienígena” é Tarzan, o Filho do Alfaiate, um pré-samba-de-breque-desenfreado de Vadico e Noel Rosa – referência constante, inevitável, até pelo ambiente em que o disco foi gravado, o estúdio Base A, em Vila Isabel.

Dois do Samba é um disco cheio de atributos e participações, de músicos do Rio (presenças luxuosas como a de Dona Sú do Jongo e Casuarina) e de Beagá (do virtuosismo do cavaquinhista Warley
Henrique à contundência do coro das Meninas de Sinhá – recém-ganhadoras dos prêmios Tim, Rival Petrobras e Cultura Viva/MinC). Um encontro geracional orquestrado pela produção do próprio Rodrigo Braga, numa dobradinha determinante com Tiago Mocotó – compositor de mão-cheia gravado por Mart´nália em seu último disco.

Dois do Samba é um disco pra frente e pra cima. Pra frente, porque acolhe ao universo do samba uma nova geração, que o impulsiona de novo, com elegância, a partir do diálogo com o passado; pra cima, porque é difícil não se sentir à vontade, no boteco afetivo de cada um, e sair cantarolando refrões que caberiam com naturalidade na boca de Martinho da Vila ou Zeca Pagodinho. E basta um deles (do hit certeiro “Samba Morena”) para mostrar como os meninos são abusados: “Eu vou comendo quietinho/ como um bom mineiro/ com fé em Santo Antônio/ eu vou seguir solteiro”. Precisa falar mais?

Preço – R$25,00

Faixas
01 - Contrariedade – Rodrigo Braga e Dudu Nicácio
02 - Inconseqüente - Rodrigo Braga e Dudu Nicácio
03 - Samba Morena – Rodrigo Braga e Dudu Nicácio
04 - Chamada Restrita – Rodrigo Braga e Dudu Nicácio
05 - Muqueca de Tubarão – Rodrigo Braga e Dudu Nicácio
06 - Deixa o Tempo – Rodrigo Braga e Dudu Nicácio
07 - Glossário – Rodrigo Braga e Dudu Nicácio
08 - Nem Amarrado – Rodrigo Braga e Dudu Nicácio
09 - Por Conta – Rodrigo Braga e Dudu Nicácio
10 - Resignado – Rodrigo Braga e Dudu Nicácio
11 - Tarzan (O Filho do Alfaiate) – Noel Rosa e Vadico


Paula Fernandes - Canções do Vento Sul (2005)

Paula Fernandes, a voz que encanta o Brasil com o tema dos rodeios da novela “América”, “Ave Maria Natureza”, lança seu novo CD, “Canções do Vento Sul”. É o terceiro CD da carreira da cantora e compositora mineira, de apenas 23 anos. Compositora de 12 das 14 faixas do disco, Paula Fernandes mostra em “Canções do Vento Sul”uma bela mistura de MPB (“Meu Eu em Você”), pop (“Ok!”), sertanejo de raiz (“Sem Você”) e country (“Música e Rodeio”, “Luz, Paixão, Rodeio”), com pitadas de world music (“Rosa Dourada”), além da música que a projetou ao estrelato, “Ave Maria Natureza”- uma versão da Ave Maria de Schubert arranjada e escrita por Marcus Viana.
Preço – R$20,00
Faixas
01 - Rosa Dourada (Paula Fernandes / Marcus Vianna)
02 - Ok! (Paula Fernandes)
03 - Meu Eu em Você (Paula Fernandes)
04 - Sem Você (Paula Fernandes /Victor Chaves)
05 - Música e Rodeio (Paula Fernandes)
06 - Canções do Vento Sul (Paula Fernandes /Victor Chaves)
07 - Vagalumes (Victor Chaves)
08 - Espaço Sideral (Paula Fernandes /Victor Chaves) 
09 - Luz, Paixão, Rodeio (Victor Chaves)
10 - Só Penso em Nós (Paula Fernandes)
11 - Dança Viva  (Paula Fernandes)
12 - Todo Seu  (Paula Fernandes)
13 - Ave Maria Natureza (F. Schubert)
14 - Meu Eu em Você - Bônus  (Paula Fernandes) 

Elisa Paraiso - O Nordeste de Lua (2009)

Lançamento de seu segundo CD “O Nordeste de Lua”, um tributo a Luiz Gonzaga, o rei do baião. Com participação especial do acordeonista Toninho Ferragutti e direção musical de Thiago Nunnes

No ano de comemoração dos 20 anos de morte de Gonzagão, Elisa propõe neste trabalho, uma fusão entre a culturas musicais mineira e nordestina. Ela conta que, em 2004, ao iniciar a escolha do repertório para a gravação do seu primeiro CD, “Da Maior Importância”, lançado em 2008, tinha em mente incluir pelo menos uma música de Luiz Gonzaga.

“Enquanto eu ouvia meus discos de vinil e fazia pesquisas na Internet, apareceu um problema: como é que eu ia escolher somente uma ou duas músicas? A idéia de gravar apenas uma música dele no primeiro CD foi substituída pelo projeto de realizar um show inteiro e, a partir do show, veio a vontade de gravar um segundo CD em homenagem ao rei do baião”.

A idéia do nome do CD “O Nordeste de Lua” surgiu quando Elisa se lembrou de que um dos apelidos de Luiz Gonzaga era Lua. A fusão do nordeste musical com a música mineira aparece na sonoridade do trabalho, onde canções nordestinas ganham harmonia mineira. No CD estão, não apenas composições de Gonzaga, mas também as que foram eternizadas em sua voz.
Preço – R$25,00
Faixas
01 - Hora do Adeus – Onildo de Almeida e Luiz Gonzaga
02 - A Volta da Asa Branca – Zé Dantas e Luiz Gonzaga
03 - Assum Preto – Luiz Gonzaga e Humberto Teixeira
04 - Qui nem Jiló - Luiz Gonzaga e Humberto Teixeira
05 - A Morte do Vaqueiro – Luiz Gonzaga e Nelson Barbalho
06 - Respeita Januário - Luiz Gonzaga e Humberto Teixeira
07 - Acauã – Zé Dantas
08 - Juazeiro - Luiz Gonzaga e Humberto Teixeira
09 - Festa – Gonzaguinha
10 - Xanduzinha - Luiz Gonzaga e Humberto Teixeira
11 - Estrada de Canindé - Luiz Gonzaga e Humberto Teixeira
12 - Bônus Track – 13 de Dezembro – Luiz Gonzaga, Zé Dantas e Gilberto Gil

sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

Ivan Vilela – Paisagens (1998)

Desde 1996, realiza apresentações no exterior tendo tocado na Espanha, França, Inglaterra, Itália e Portugal realizando concertos e conferências em salas de espetáculos e universidades. 

É diretor e arranjador da Orquestra Filarmônica de Violas. Endorsed das cordas Giannini, é idealizador da ONG Núcleo da Cultura Caipira e responsável pelo projeto de criação de um curso superior de música que utilize uma metodologia brasileira de ensino, proposta inédita no Brasil, concebida a pedido da Universidade de Taubaté, SP. Compôs a Ópera Caipira Cheiro de Mato e de Chão a partir do libreto de Jehovah Amaral. 

É professor da USP (Universidade de São Paulo), além de atuar em diversos festivais de música do País e ministrar seminários sobre Cultura Popular Brasileira, Harmonia Modal, Estética e História da MPB e Viola Caipira. Trabalha como pesquisador há vinte anos, enfocando manifestações da cultura popular em Minas Gerais e interior de São Paulo.

Este CD é o primeiro registro do trabalho solo de viola de Ivan Vilela. Nele os arranjos e composições são de sua autoria.
Paisagens foi indicado ao Prêmio Sharp 1999 como revelação instrumental.

Preço – R$25,00

Faixas
01  -  Prá Matar a Saudade de Minas – Ivan Vilela
02  -  Armorial – Ivan Vilela
03  -  Saudade de Minha Terra – Goia e Belmonte
04   - Cururu Prá São João – Ivan Vilela
05  -  Asa Branca – Ivan Vilela – Luiz Gonzaga e Humberto Teixeira
06  -  Valsa Para Viver Um Grande Amor – Ivan Vilela
07  -  Paisagens – Ivan Vilela
08  -  Calma Roceira – Ivan Vilela
09  -  Nananenem – Ivan Vilela
10  - Pula Brincando – Ivan Vilela
11 -  Cabriolinha – Ivan Vilela
12  - Catira de Mariamar – Ivan Vilela
13  - Cururu Prá São João – Ivan Vilela
14   No Balanço Do Jacá – Ivan Vilela
15 -  Baiãozim Calungo – Ivan Vilela
16  - Solidão – Ivan Vilela
17  - A Força do Boi – Ivan Vilela

quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

Graveola e o Lixo Polifônico – Edição Especial 7”

A estranheza que causa o nome da banda parece ser a porta de entrada mais adequada para o som que vem dali: um terreno fértil de ambigüidades, referências e “plágios estilísticos”, configurando um mosaico simbólico intrincado e confuso. E talvez seja justamente essa incoerência auto-afirmada o motivo do impacto que o grupo Graveola e o Lixo Polifônico vem lentamente causando no cenário artístico de Belo Horizonte.

Os mineiros do Graveola e o Lixo Polifônico também apostaram no formato do acetato e lançaram o Special Vinyl Edition, pela Vinyl Land, um single de 7" com 3 músicas.

Preço – R$30,00

Lado A
01 - Benzinho

Lado B
01 - Insensatez: a mulher que fez
02 - O quarto 417 (a aventuras de dioni lixus).

Graveola e o Lixo Polifônico - Um e Meio (2010)



Uma das principais características da Graveola e o Lixo Polifônico é a criatividade. E agora não fizeram por menos. Eles não lançaram um álbum, mas sim um meio álbum. Um e Meio é, como eles dizem, uma coletânea de estranhezas, grandes sucessos, ruídos enervantes, todos preparados com dedicação durante as férias. O álbum é um bootleg, ou seja, são gravações ao vivo de forma descontraída.
*Segunda Edição - Embalagem de Tecido

Preço – R$15,00

Faixas
01 - Coquetismo – José Luis Braga e Luiz Gabriel Lopes
02 - Dois Camelos sem assunto ou meu Primo Coreano – Yuri Vellasco
03 - Rua A - José Luis Braga e Luiz Gabriel Lopes
04 - O Varal esquecido no Final – Flora Lopes, José Luis Braga, Luiz Gabriel Lopes, Marcelo de Podestá e Luisa Rabello
05 - Mastigar - Luiz Gabriel Lopes
06 - Passatempo – Bidu
07 - Desagrados e Flores - José Luis Braga e Luisa Rabello
08 - V Simpósio Latino Americano de Neurologia - Yuri Vellasco
09 - Eu aqui, por Enquanto – Luisa Rabello, Luiz Gabriel Lopes e Flávia Mafra
10 - Enquanto isso no Salvador – João Paulo Prazeres
11 - Pero no Mucho - Luiz Gabriel Lopes
12 - Desencontro - José Luis Braga
13 - Gosto na Boca – Marcelo de Podestá
14 - não tem coisa mais feia do que pobre num caminhão chevrolet – Zé do Poço

Efrahim Maia – Mar e Lua (2008)

¨Vem de uma safra de artistas comprometidos em divulgar a boa música popular brasileira.

Um cantador que traz na sua alma a emoção verdadeira e expressiva da nossa música regional.

Recebemos com entusiasmo o mais recente trabalho de Efrahim Maia.¨
*Saulo Laranjeira

Preço – R$20,00

Faixas
01 - Coração Canoeiro – Dimas Deptulski
02 - Fuxico – Gutemberg Vieira e Dinho Oliveira
03 - Flor da Noite - Dimas Deptulski
04 - Cantiga da Mata - Dimas Deptulski
05 - Cantiga de Roda – Manuelito Xavier
06 - Senhora das Dores - Dimas Deptulski
07 - Canto das Águas - Dimas Deptulski
08 - Nas três voltas da Lua – Marcos Guimarães
09 - Cidade Jardim – Wanderson Santiago e Edeilton Santos
10 - Girassol - Dimas Deptulski e Efrahim Maia
11 - Cantiga de Saudade – Paulinho Andrade
12 - Coração Errante – Efrahim Maia
13 - Vela Voz – Efrahim Maia e Edeilton Santos
14 - Prainha do Condado – Efrahim Maia e Beto Lino
15 - Feliz Cidade - Dimas Deptulski

Koxambra - Badalação (2010)

O ano de 2010 será marcado pelo lançamento do segundo disco do Koxambra. Novos elementos como, gaita, guitarras com riffs distorcidos e flauta podem ser ouvidos durante as 12 faixas deste trabalho. Isso tudo sem fugir da já característica presença do saxofone no pop rock do Koxambra. O agito do rock aliado a levadas sólidas do violão e ao balanço dançante das canções, traduzem parte do que se pode ouvir no novo disco. Gravado e mixado pela gravadora JT Records de São Paulo, Badalação mostra 12 novas composições fixando o Koxambra no cenário do rock nacional.
A nova turnê levará aos palcos este novo trabalho, juntamente com as músicas do primeiro disco. Vale lembrar que o Koxambra completa 6 anos de carreira que serão comemorados com o novo lançamento.

Preço - R$15,00

Faixas
01.  Badalação - Frank Bueno
02.  A Praia - Frank Bueno
03.  Viver em Paz - Alfabeto
04.  Rotina - Frank Bueno
05.  Meu Desenho - Frank Bueno
06.  Cenário de Ouro Preto -  Alfabeto
07.  Grite Gol -  Alfabeto
08.  Alquimia Venenosa - Frank Bueno
09.  Mudanças do Mundo -  Alfabeto
10.  As Cores das Flores -  Alfabeto
11.  Te Peço - Arara
12.  Sorrisos Soltos - Frank Bueno 

quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

Fábio Barucci – Rock Geral (2009)

Fábio Barucci vem consolidando sua carreira no cenário musical,
principalmente pela qualidade, energia e feeling de sua voz.
O CD “Rock Geral”, vem com onze músicas de sua
autoria e de compositores mineiros.
Sem sombra de dúvidas, o CD “Rock Geral” faz jus ao nome que
recebeu. São letras fortes aliadas ao mais puro rock’n’roll ,
revelando não só o talento e a musicalidade de Fábio Barucci,
mas também todo o poder que o rock exerce na sua obra.

Preço – R$5,00

Faixas
01 - Eu tenho que ir Embora – Gleyson Fonseca
02 - Tanto Faz – Fábio Barucci e Daniel Lima
03 - Sua Ausência – Fábio Barucci e Thiago Victor
04 - 1106 – Gleyson Fonseca
05 - Reação – Fábio Barucci e Nando Araújo
06 - Vou Pensar por Mim – Fábio Barucci e Daniel Lima
07 - Livre Arbítrio – Fábio Barucci e Daniel Lima
08 - Por Engano – Brow e Doca Rolim
09 - Será que sou Louco – Nando Araújo
10 - A Dois – Nando Araújo e Auder Junior
11 - Brasileiro – Fábio Barucci e Daniel Lima

terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

Paulo Mourão – Os Caboclos das Matas (2007)

Os Caboclos das Matas, segundo trabalho do violeiro, compositor e jornalista Paulo Mourão mostra as confluências entre o popular e o religioso, entre a viola e o terreiro, entre o artístico e o espiritual, na música de raiz de Minas Gerais.
Seu CD, com direção musical de Chico Lobo, passeia pelos cantos de Umbanda e do Santo Daime, com a participação dos próprios cantores dos terreiros. Nele, Paulo traz do original e recria pontos e cânticos do sincretismo negro e indio, raças que, por séculos, forjaram nossa cultura.
“Os Orixás, caboclos, senhores das matas e seres encantadores certamente gostaram,” afirma o famoso crítico mineiro Carlos Felipe. “Isto é brasilerança!” diz Xangai.”
Preço – R$25,00
Faixas
01 - Sete anjos
02 - Os caboclos das matas
03 - Cruzandê
04 - Banda com banda
05 - Incensão
06 - Juremê / Pena dourada
07 - Três estrelas
08 - Passarinho de pena branca
09 - Olha pemba
10 - São João e Mamãe Oxun
11 - Cadê doun
12 - Os baianos
13 - Cambinda
14 - Laranjeira
15 - Iemanjá
16 - Povo do Oriente
17 - Na areia e no mar
18 - São Jorge
19 - Manacá
20 - Janaína
21 - Muito feliz
22 - Marinheiro
23 - Beija-flor
24 - Luz divina
25 - Paz

Dona Jandira – Dona Jandira (2008) - sem estoque

Nascida em Maceió, Alagoas, no ano de 1938. Iniciou seus estudos musicais ainda criança, com a mãe, que era professora de piano e acordeom. Devido aos preconceitos da época, não recebeu incentivo para seguir a carreira musical.

Dona Jandira se formou em Pedagogia e optou pela profissão de educadora, na qual trabalhou por longo tempo. Depois dedicou-se ao artesanato, motivo pelo qual participou de um evento em Recife, onde surgiu o convite para trabalhar em Minas Gerais. Chegando em MG se instalou na cidade de Ouro Branco, e algum tempo depois foi morar no pequeno distrito de Itatiaia, onde reside até hoje.

Sua carreira musical começou no final de 2004, aos 66 anos, quando necessitou de uma carteira profissional de músico, pelas atividades desenvolvidas com o coral infantil que criou na cidade onde mora. Quando procurou a Ordem dos Músicos do Brasil, encontrou o músico e produtor José Dias, que ficou encantado com a força e o talento desta excepcional cantora. Começou então, uma parceria que obteve os melhores resultados possíveis e em pouco mais de quatro anos de carreira, obteve total aceitação de público e crítica.

Preço – R$25,00

Faixas
01 - Que Será – Marini Pinto e Mário Rossi
02 - Feitiço da Vila – Noel Rosa e Vadico
03 - Mulato dos Olhos Verdes – Sérgio Moreira
04 - O Calor do Samba – Chico Amaral
05 - Dança das Constelações – José Dias e Murilo Antunes
06 - Nada Além – Mário Lago e Custódio Mesquita
07 - Na Cadência do Samba – Ataulfo Alves, Paulo Gesta e Matilde Alves
08 - Nunca – Lupicinio Rodrigues
09 - Na Baixa do Sapateiro – Ary Barroso
10 - Boletim de Artista – Clever Bambu
11 - Samba de Eva – Helvécio Viana e Ramon Maia
12 - Amor Vulgar – Renato Guima
13 - Noites Cariocas - Jacob do Bandolim e Hermínio Belo de Carvalho
14 - Onde Anda Você – Vinícius de Moraes e Hermano Silva

Tianastácia – No País das Maravilhas (2009)

A banda mineira Tianastácia lança com força total seu novo "Tianastácia no País das Maravilhas"
Marca a volta da banda aos estúdios. Produzido por Ruben de Souza e pela própria banda, o trabalho contém oito composições autorais inéditas e duas regravações - Faroeste Caboclo, do Legião Urbana e a antológica Balada do Louco, dos Mutantes. "Tianastácia no País das Maravilhas" foi gravado no estúdio Minério de Ferro, do Jota Quest, e masterizado por Ricardo Garcia no Rio de Janeiro.
"Em seu novo trabalho, o Tianastácia volta às suas origens com a velha e boa formação roqueira: vocais, guitarras, baixo e bateria. Destaque para a bem humorada "Guardanapo de Buteco", a balada "Mistério", além de "Londres" e "Ar Condicionado"; uma excelente nova roupagem para os clássicos "Faroeste Caboclo" e "Balada do Louco". Com muito charme e swing, o álbum é sinônimo de sucesso garantido. É isso aí, Rock'n'roll é pra quem merece!"

Preço – R$10,00

Faixas
01 - TPM
02 - Nobody
03 - Guardanapo de Buteco
04 - A Boa
05 - Mistério
06 - Londres
07 - Faroeste Caboclo
08 - Casamento
09 - Ar Condicionado
10 - Paz em todo Lugar
11 - Chorei
12 - Balada Do Louco

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Toninho Horta – Ton de Minas – Solo ao Vivo (2010)

Este DVD tem a produção de Paulo Nicolsky e é um registro histórico de 40 anos de trabalho do Toninho Horta, além das músicas o DVD conta com uma fantástica entrevista, que retrata com espontaneidade a carreira desse brilhante guitarrista.
O show Ton de Minas foi realizado em 2004, no Teatro Sesi Minas, na época foi lançado somente um CD duplo, com 40 músicas.

Preço – R$40,00

Faixas
01 – Flor que Cheira a Saudade – Toninho Hoeta e Gilda Horta
02 – Você que não Vem - Toninho Horta e Rubens Theodoro
03 – Maria Madrugada - Toninho Horta e Júnia Horta
04 – Minha Casa – Toninho Horta
05 – Canto de Desalento - Toninho Horta e Rubens Theodoro
06 – Durango Kid - Toninho Horta e Fernando Brant
07 – Igreja do Pilar – Toninho Horta
08 – Falso Inglês - Toninho Horta e Fernando Brant
09 – Gershwin – Toninho Horta
10 – De Ton pra Tom / From Ton to Tom
11 – Diana - Toninho Horta e Fernando Brant
12 – Quadros Modernos – Toninho Horta
13 – Aqui, Ó! - Toninho Horta e Fernando Brant
14 – Serenade/Ouro Preto - Toninho Horta e Ronaldo Bastos
15 – Manoel, o Audaz – Toninho Horta e Fermando Brant

Ana Cristina – Histórias Cantadas da Arca de Noé 1 e 2 (2005 e 2006)

01 - A Casa (Vínicius de Moraes)
02 - A Porta (Toquinho / Vínicius de Moraes)
03 - O Gato (Toquinho / Bacalov /Vínicius de Moraes)
04 - A Pulga (Toquinho / Bardotti / Vínicius de Moraes)
05 - As Abelhas (Bacalov / Bardotti / Vínicius de Moraes)
06 - O Cravo E A Rosa (Domínio Público)
07 - O Pato (Toquinho / Paulo Soledad / Vínicius de Moraes)
08 - O Relógio (Paulo Soledad / Vinícius de Moraes)
09 - Casinha Assim (Domínio Público)

01 - O Pingüim – Paulo Soledade, Toquinho e Vinícius
02 - A Galinha D´angola – Toquinho e Vinícius
03 - O Peru - Paulo Soledade, Toquinho e Vinícius
04 - A Lenda do Pégaso – Jorge Mautner e Morais Moreira
05 - O Pintinho – Pipo C., Sérgio B., Gilda M., Toquinho e Vinícius
06 - O Girassol - Toquinho e Vinícius
07 - Vinheta Peru
 
Os CDs “Historias Cantadas da Arca de Noé” trazem de volta ao universo infantil a obra maravilhosa de Vinicius de Morais em uma história cheia de possibilidades, que puxa a criançada para o maravilhoso universo lúdico. Além das canções serem todas contextualizadas, o encarte ainda possibilita embaralhar os personagens para se criar novas histórias. Os discos tem faixas instrumentais em play-back para que todos se aventurem a cantar livremente.

Preço – R$30,00

sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

Emcantar - Mutirão (2003)

O CD MUTIRÃO, gravado em 2003, marca o amadurecimento estético do EMCANTAR. Com 18 faixas musicais autorais e de artistas da região, a obra rima a poesia de temas socioambientais, culturais e da infância com os ritmos contagiantes da cultura popular do Triângulo Mineiro. O CD traz participações especiais de Pena Branca, Luiz Salgado, Trem das Gerais, Tabinha, Quinteto de Cordas da Orquestra Camargo Guarnieri e Capitães do Moçambique Branco, de Araguari.

Preço – R$25,00

Faixas
01 - Ararunaiana
02 - Como surgiu a noite
03 - Parangolé
04 - Sabiá bem-te-vi
05 - Quatro colinas
06 - Boitatá / Jogo dos reis
07 - Arrebol
08 - Parte da gente
09 - Mutirão
10 - Mutum / Alforria
11 - Arve
12 – 0 Chuva de palmas
13 - Versim
14 - Parangolé II
15 - Dentro
16 - Rugas de um caburé
17 - Maracujá
18 - Ararunaiana II

Emcantar - Emcantar (2009)

EMCANTAR é o primeiro disco do grupo mineiro EMCANTAR, que há 13 anos se envereda pelos caminhos da arte e da educação. Composta por canções inéditas de integrantes e parceiros e de autores como Milton Nascimento, Celso Adolfo, Vital Farias e Bia Bedran, a obra representou um importante momento para a consolidação do trabalho estético do EMCANTAR, que mescla o ritmo contagiante da cultura popular com inovação e brincadeira. Por isso, após 10 anos de seu lançamento, é reeditada com a mesma essência de alegria e leveza do canto coletivo e espontâneo sobre a infância, a natureza e a alma do povo brasileiro.

Preço – R$25,00

Faixas
01 -Cantiga de encantar
02 - Feito borboleta
03 - Peixinhos
04 - Meu mundo
05 - Meninos / Sabiá lá na gaivota
06 - Prosa de passarim
07 - Lava-pé
08 - Matança
09 - Cadê?
10 - Não jogue lixo no chão
11 - Passarim
12 - Benke
13 - Rá-tá-tá / Chuva
14 - Anel / O menino e o mar
15 - Girabelhinhas
16 - Ser crianças
17 - O Cio da Terra
18 - O canto da terra sagrada
19 - Querubim
20 - Coração civil

Anna Ly – Desenrolando a Língua (2007)

“Desenrolando a Língua”. Trata-se de um projeto que Anna Ly se dedica à cinco anos, com muita pesquisa e estudo sobre a história e formação da língua portuguesa falada no Brasil e que resultou um livro e um CD dirigido ao público infanto-juvenil.

“Este trabalho é o resultado de uma pesquisa, de um assunto que me atrai muito – as línguas. Apesar de não me considerar uma especialista, as diferenças e diversidade das línguas, sempre me chamaram atenção, inclusive em alguns dos meus shows interpreto canções em italiano, francês, latim, inglês e português”, diz Anna Ly.

O livro narra de maneira divertida e numa linguagem cativante a história de Lu, uma menina que adora ler e que um dia encontrou três dicionários. Veja parte da narração do livro:.... um dia desses, Lu começou a folhear três dicionários que encontrou na estante do pai: um da língua Tupi, falada pelos índios que viviam no Brasil antes da chegada dos portugueses; outro de uma língua chamada Latim, que quase ninguém fala mais; e uma outra tal de língua Nagô, que alguns povos da África ainda falam até hoje....

Além da edição do livro que tem projeto gráfico e ilustração de Estevão Machado e revisão de textos de Sávio Grossi, Anna Ly lança um CD onde reúne canções de domínio público e composições inéditas, de sua autoria, com letras divertidas e ritmos dançantes, de forma a motivar nas crianças o interesse por conteúdos essenciais da nossa cultura, evitando os padrões estereotipados da música infantil oferecidas pela mídia convencional.

No projeto livro e CD "Desenrolando a Língua", Anna Ly apresenta uma lúdica narrativa das origens da língua falada no Brasil, que é oficialmente nomeada de "Língua Portuguesa" em sua remota matriz latina, mas que adquire autonomia de "Língua Brasileira" ao incorporar expressões dos idiomas ameríndios e dos diversos troncos linguísticos africanos, além de estrangeirismos (franceses, espanhóis, italianos, ingleses, etc) definitivamente agregados ao nosso vocabulário popular.

Toda a história é conduzida sem a pretensão de rigorosa pesquisa científica, mas com intenção de demonstrar, em formato didático e interativo, que a língua de um povo está sempre em movimento, transformando-se em sintonia com o tempo, o espaço e o quadro social. Nas letras das músicas, Anna Ly surpreende ao pontuar, com provocante bom-humor, vocábulos agregados à nossa língua escrita e falada a partir do Latim clássico e vulgar, do Grego, do Tupi-Guarani, dos dialetos africanos, das línguas neo-latinas e de outras influências lingüísticas originadas em nações cultural e geograficamente distantes do Brasil.


Preço – R$25,00

Faixas
01 - Língua do Índio – Anna Ly
02 - Companheiros, eu sei Tocar – Domínio Público
03 - Fuzuê – Anna Ly
04 - Alecrim – Domínio Público
05 - Cocodrilos – Domínio Público
06 - Là-Haut sur la Montagne
07 - Danza del Serpente
08 - Você está falando Grego – Anna Ly
09 - All Night, All Day – Domínio Público
10 - Conversa pra Boi Dormir – Anna Ly
11 - O meu Carango – Anna Ly
12 - O Lamento dos Animais – Anna Ly 

quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

Marcus Viana - Ana Raio e Zé Trovão (1991)

Todas as músicas foram compostas, arranjadas e executadas por Marcus Viana utilizando os seguintes instrumentos: voz, violinos (elétrico e acústico), teclados e percussão. Participação especial do grupo "Sagrado Coração da Terra" com Augusto Rennó, Lincoln Cheib, Ivan Correa, Ronaldo Pellicano, além de Paula Santoro, Firmino Cavazza, Vanessa Falabella e Andersen Viana.

Preço – R$20,00

Faixas
01 - Raio e Trovão
02 - Horizontes da Vida
03 - Esperança Manhã
04 - Rodando o Brasil
05 - Fada Madrinha (Instrumental)
06 - Os Cavalos Também Amam
07 - Allegro Campestre
08 - Adagioso
09 - Solidariedade
10 - Tema da Vida
11 - Esperança Manhã (Instrumental)
SINFONIA DAS MONTANHAS
12 - 1º Mov. – Saudação às Montanhas
13 - 2º Mov. – O Mistério das Pedras
14 - 3º Mov. – Uma Manhã de Sol nas Montanhas
15 - 4º Mov. – Sinfonia das Lágrimas

Deborah Rosa – Melhor (2010)

Jovem cantora e compositora mineira, dona de uma voz grave e afinada, tem arranjos vocais de expressão admirável, dando uma identidade particular e fazendo, quase sempre, uma releitura daquilo que interpreta.
O seu segundo CD, “Melhor”, tem produção de Paulo Nicolsky, direção de Toninho Horta, Tattá Spalla e Dalton Palmieri. No CD estão canções de sua autoria, do lendário guitarrista Fredera, de Gabriel Moura, produtor do disco de Seu Jorge, e outros nomes da MPB.

Preço – R$20,00

Faixas
01 – Sábado – Fredera
02 – velhos Novos Amigos – Yuri Nicolsky
03 – Ser Feliz - Tattá Spalla, Paulo Nicolsky e Deborah Rosa
04 – Brincadeira – Caio Matos
05 – Aqui tudo é nada sem Você - Deborah Rosa
06 – Confissões – Claudio Fraga
07 – Estação - Deborah Rosa
08 – TV Cultura – Gabriel Moura
09 – Fotografia – Nil Lus
10 – Nepal – Fredera
11 – Próximo Segundo - Deborah Rosa
12 – Melhor – Gabriel moura
13 – Copo dágua de Chuva – Nanda Cavalcanti
14 – Samba a Dois – Marcelo Camelo