quinta-feira, 6 de março de 2014

Nádia Campos – Cantigas de Beira Rio (2014)

Nádia Campos canta desde os seis anos, é um canto sem fronteiras em consequência do seu espírito andarilho. Nasceu em Minas Gerais. Ama a natureza e canta a luta pela sobrevivência do que é puro e essencial. O gosto pelo simples e pelas culturas tradicionais levou-a a enveredar-se pelos caminhos das raízes brasileiras e latino americanas. Aos nove anos de idade, participou da gravação do disco “Enrola Bola” do músico Rubinho do Vale.

Participou de festivais estudantis, de encontros de música. Estudou na Fundação de Educação Artística em Belo Horizonte com o professor Eládio Pérez González. Participou da gravação e do lançamento do CD “Andejo” de Joacir Ornelas e do CD ”Cantilenas de Jardim” de Fernando Guimarães. Gravou no disco “Jardim de Todos” poemas musicados de Carlos Rodrigues Brandão. Participou da gravação do disco “Umumakaia”, Espírito do Vento” de Sotero Sol. Acompanhou e registrou congadas, marujadas, batuques, cantadores e cantadeiras em Minas Gerais. Realizou oficinas e apresentações para mais de 500 crianças no país.

Percorreu a Argentina e o Chile em 2007, 2008 e 2009, pesquisando ritmos, cantos, instrumentos e tradições. Em 2008, gravou seu primeiro disco “Por que Cantamos”, inspirado no poema do poeta uruguaio Mario Benedetti, com participação do menestrel Dércio Marques e do Maestro Chico Moreira. Participou do Encontro Vozes de Mestres em Ouro Branco em julho de 2009, se apresentando junto com os mestres Dércio Marques e João Bá. No mesmo ano participou do Encontro Nacional de Violeiros e Violeiras do MST em Ribeirão Preto. Se apresentou em Santiago do Chile em julho de 2010. Realizou entrevistas e apresentações em meios de comunicação como a Radio Universidade de Santiago, Universidade de Chile no programa Encuentro con Brasil, TV Minas, TV UFOP.  Em julho de 2012 participou do show “Arreuni” no Encontro de Culturas Tradicionais da Chapada dos Veadeiros ao lado de outros cantadores e violeiros em homenagem à Dércio Marques.

Realizou apresentações na Praça da Cidadania na Feira da Paz de Betim em diversas edições. Se apresentou na Virada Comum em Belo Horizonte. Elaborou e apresentou no cineteatro Glória da Colônia Santa Isabel um Auto de Natal com 40 jovens e crianças do projeto INCAS em Betim. Participou junto com Déa Trancoso e Paula Piu no projeto “Mulheres que Dizem o Som” no teatro de bolso do SESC Paladium em Belo Horizonte. Se apresentou também no Encontro dos Povos do Espinhaço de 2013. Participou de gravações e composições do dico “João Bá 80 anos” de seu mestre e parceiro João Bá que também dirigi seu disco independente que será brevemente lançado: “Cantigas de Beira Rio”.

Preço – R$25,00

Faixas:
01 - Gerais (Turmalina do Jequitinhonha) - João Bá e Lone Seiva
02 - Pirapora do São Francisco - João Bá, Nádia Campos e Joaci Ornelas
03 - Abrolhos - João Bá
04 - Flores do Vale - João Bá e Dércio Marques
05 - Lavadeiras do Jequitinhonha - João Bá, Nádia Campos e Joaquim Celso Freire
06 - Borda da Mata - João Bá e Nádia Campos
07 - Constelação de Manaus - João Bá, Nádia Campos e Fernando Guimarães
08 - Miren Cómo Corre El Agua - Folclore chileno registrado por Violeta Parra
09 - Cantiga do Paraibuna - Eduardo Rennó e Daniel Almeida
10 - Caminho das Águas - Josino Medina e Frei Chico
11 - Passariquinha - Domínio Público

2 comentários:

  1. Tamabém estou querendo comprar CDs da Nádia e não sei onde encontrar.

    ResponderExcluir